Fartura

Família Plural

Acho que foi um presente que ganhei da vida, de Deus. Ela foi casada, mas acabou se separando. Pouco depois dos 40 anos, solteira, e com muita vontade de ter um filho, foi alertada pelo médico que ficaria cada vez mais difícil de engravidar. Por isso, Rejane decidiu adotar uma criança. Eu sempre pensei que podia adotar, mas antes olhava mais para o lado altruísta. Frequentou mensalmente as reuniões por um ano.

Contatos mulheres mãe solteira 337236

Há problemas com o preenchimento do formulário.

Essa podia ser a narrativa de Paula. Antes de fazer as malas para encontrar um rumo profissional neste lado do Oriente, onde se iria reencontrar com o pai, Paula formou-se em técnica de radiologia. Surgiu a possibilidade de trabalhar no território. A descobrimento da gravidez deu-se numa daquelas viagens a Portugal, em que aproveitou para ir a uma consulta de rotina. De regresso a Macau, foi distinção de revelar ao progenitor. Mas, sendo portuguesa, o contexto é outro. Depois, deixamos completamente de ter tempo para nós. No entanto, tudo isso é compensado a cada regresso a domicílio. Só o facto de chegar a casa, cansada, mas ver a animação da minha filha quando chego… é óptimo!

A Preservação da Fertilidade

Padecer no paraíso em dobro? Mas exatamente hoje penso como deve ser restante leve essa jornada para quem tem alguém ao lado no dia a dia. Na antiga escolinha da minha filha, para mim, no começo, idade difícil falar, por exemplo, para os pais dos amiguinhos dela que eu era sozinha. E nem era por culpa deles. Ninguém nunca me julgou. Esse eco da família ideal inconscientemente me acompanhou na vida adulta.

Contatos mulheres mãe solteira 551871

Entre para nossa lista e receba conteúdos por

Sociedade O sentimentalismo que existe em mim sempre me fez apreciar a ideia de uma realidade alternativa. O nosso paraíso doméstico podia ter implodido, mas em algum lugar, a apenas um salto quântico de distância, ele corria como previsto. Subscrever Era o meu ex-marido, o pai que a minha filha apenas conhecia de fotografias. Por vezes, nas conversas que mantinha comigo mesma ainda me referia a ele como o inglês.

23 24 25 26 27 28 29 30 31
Comment

Leave a Reply